quinta-feira, 30 de maio de 2013

Between Love and Hate 2ª temporada - Capítulo 2


Preocupação .



Estava sentada em um banco com a cabeça baixa, um copo de água na mão e um remédio para o figado no outro.

Senti tontura e Lottie me botou sentada, uma moça tinha oferecido sua ajuda na hora em que vomitei, me deu o remédio e se ofereceu pra que ela nos levasse em casa e é claro que nós recusamos, agradecemos e ela se foi.

Lottie me olhava meio estranho como se quisesse adivinhar oque se passava comigo.

(seu nome): Eu estou bem ! 
Lottie: Não acha melhor irmos ao médico ? 
(seu nome): Não já disse que estou bem !
Lottie : Então vamos para casa ?
(seu nome): Sim, vamos ! 

Lottie me deu a mão para que eu levantasse, peguei em sua mão e levantei. Fomos até a entrada do shopping e pegamos um táxi e fomos para casa.

O caminho inteiro foi silencioso, Lottie as vezes me olhava pra ver se eu estava bem. 

(seu nome): Eu estou bem ! 
Lottie: Eu estou preocupada, será que vc ...

E sabia oque ela iria dizer, sabia oque ela estava pensando e sinceramente, não quero considerar essa hipótese.

(seu nome): Não pense besteira, foi algo que comi ! 
Lottie: Tem certeza ? 
(seu nome): Absoluta ! 

E assim acabou o assunto. Chegamos em casa e lá estavam Louis e Niall jogados no sofá com cara de tédio olhando para o teto. Eles olharam pra nós e logo se levantaram. 

Louis: To vendo que o dia foi cheio não ?
(seu nome): Vc não sabe o quanto, muitos clientes ! 

Olhei pra Lottie e ela sorriu, a expressão de Louis logo mudou para desprezo.

Louis: Vc anda muito engraçadinha ! 
(seu nome): Fazer o que, é um dom ! - eu sorri debochada 
Louis: Vai a merda ! - ele me mostrou o dedo do meio e eu sorri 
Niall: Lottie vamos ?
Lottie: Primeiro eu quero saber se a (seu nome) está bem ! 
(seu nome): E estou bem Lottie, não precisa se preocupar ! - sorri 

Fui até Louis e dei um selinho no mesmo, joguei as bolsas em cima do sofá.

Louis On.

(seu nome) tinha chegado meio estranho estava meio pálida, eu decidi não falar nada, pois deveria ser só impressão minha. Mas agora Lottie disse que queria a certeza de que (seu nome) esteja bem. 

Louis: Oque aconteceu com ela ? 

Perguntei enquanto (seu nome) andava lentamente para a direção da Lottie e do Niall. 

(seu nome): Nada de mais ! - '' Não acredito em vc ! " 
Lottie: Ela passou mal no shopping ! 
Louis: Oque ela teve ?
Lottie: ELa vomitou, ficou meio branca e teve tontura ! - ela olhou para (seu nome) - Aliás vc ainda está branca ! 
(seu nome): Eu estou bem !
Niall: Tem certeza, vc não me parece muito bem ! 

Olhei para (seu nome) e a cada passo que ela dava era como se fosse um grande esforço, ela ia cada vez mais de vagar. 

(seu nome) colocou a mão na cabeça com se estivesse tonta, tentou se apoiar na mesinha que tinha mais a única coisa que conseguiu foui derrubar o arranjo que tinha lá.

Louis: (SEU NOME) ! 

Ela caiu .



















[...] 
 






















segunda-feira, 27 de maio de 2013

Between Love and Hate 2ª temporada - Capítulo 1

Pós-noivado !



Alguns dias se passaram desde que aceitei me casar com Louis. O noivado foi incrível, tirando a parte que Louis deu um piti pelo relacionamento de Lottie, foi legal.

Flash back On.

Louis: (seu nome) quer casar comigo ? 

Ele estava ajoelhado a minha frente a espera de uma resposta enquanto eu só chorava.

Niall: Vamos (seu nome), to com fome ! - todos rimos 
(seu nome): Eu ... eu aceito ! 

Louis sorriu, se levantou e colocou o anel em meu dedo. Ele me puxou pela cintura e me beijou, todos aplaudiram. Ele chegou sua boca perto da minha orelha e sussurrou:

Louis: Agente vai sair daqui, voltar pra casa e vamos transar violentamente a noite toda, porque eu to carente e hoje ninguém me segura ! - eu ri 

Flash back Off.

Ouvi o barulho da porta sendo aberta e quando olhei era Lottie, ela sorriu e veio ate mim, me sentei na cama pra que pudesse falar com ela .

Lottie: Oi ! 
(seu nome): Oi ! 
Lottie: Niall vai ficar ai com Louis jogando videogame e eu pensei em te chamar pra irmos almoçar no shopping ! 
(seu nome): Ok, so vou tomar um banho ! 
Lottie: Vou te esperar na sala ! 

Lottie saiu em direção a sala enquanto eu fui ao armário pegar minha roupa, eu estou indisposta mais acho que sair com Lottie vai ajudar.

Demorei um pouco no banho por conta do mal estar, eu só precisava de mais um pouquinho de água gelada mais Lottie ja devia estar impaciente, me olhei no espelho e estava com essa roupa:



Cheguei na sala e me deparei com Lottie com a maior cara de tédio possível enquanto Louis e Niall gritavam e xingavam disputando um contra o outro o videogame. 

Lttie me viu e rapidamente se levantou e foi para porta ligar para algum taxista, comecei a pegar minhas coisas e colocar dentro da bolsa enquanto falava com Louis

(seu nome): Amor vou almoçar com Lottie ! - continuei pegando minhas coisas enquanto era ignorada por Louis
Lottie: LOUIS VC OUVIU A (SEU NOME) ? - ela gritou pra que ele ouvisse e nada 
Louis: PORRA JOGADOR FILHO DA PUTA, CORRE NESSA MERDA ! - gritou o mais alto que pode 
Niall:  VAI TOMAR NO CU JUIZ ! -  ele lançou um de seu dedos do meio para a televisão 
(seu nome): Hey vcs dois ! - eles não ouviram - Louis e Niall ! - aumentei meu tom - SEUS VIADOS !- continuaram olhando para a televisão 

Lottie me olhou raivosa e eu já tinha perdido a paciência, entrei na frente da televisão e puxei o videogame da tomada, eles me olharam incrédulos.

Louis: Amor porque fez isso ?
(seu nome): Escuta, nós temos vizinhos .. ENTÃO PAREM DE GRITAR ESSES PALAVRÕES ! - ouvi Lottie rir.
Niall: Desculpa ! 
Louis: Que roupa é essa ?
(seu nome): Vou sair ! - ele me acompanhou com o olhar enquanto eu me aproximava de Lottie.
Louis: Vai aonde ! 
(seu nome): Bater ponto !

Vi o olhar de ódio que Louis fez, ele tentou levantar mais eu Lottie saímos correndo, descemos pela escada e corremos até o táxi que já estava esperando, entramos no carro rindo. 

Lottie: Quando vc chegar em casa, Louis vai te quebrar ! - ela riu mais ainda
(seu nome): Eu sei ! - eu a acompanhei 

Chegamos ao shopping e fomos comprar algumas coisas e fomos almoçar. Lottie e eu ficamos conversando sobre assuntos aleatórios quando decidimos ir embora.

O relógio marcava 19:05 e saímos de casa eram 12:50, passamos a tarde no shopping, ou seja, Louis com certeza iria falar algo.

Estávamos caminhando até a entrada do shopping quando aquele mal estar de hoje cedo voltou e pior que antes, Lottie parou em frente a vitrine de uma loja de bebês e ficou a olhando, parei ao seu lado e fiquei encarando uma roupinha que me chamou muito atenção. 

Estava meio concentrada naquela roupinha e imagina coisas.

'' Será que um dia eu vou ser mãe ? ''

Tomei um susto quando Lottie tocou meu ombro e disse :

Lottie: Posso fazer uma pergunta ?
(seu nome): Claro ! - sorri
Lottie: Vc pretende dar um filho a Louis ?

Não consegui responde-la, apenas sai correndo para a lata de lixo mais próxima.












[...]

Hey amores,

desculpe ter demorado a postar, eu fiquei sem computador esses dias e não deu mesmo ...

Mas olhem pelo lado bom, meu notebook vai chegar do conserto daqui a alguns e adivinhem ... atraso nunca mais :) 




Bom é só isso amores, bjoo 






















terça-feira, 21 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 35



Por você !




Louis me olhou incrédulo.

Louis: Oque ? 
(seu nome): Isso mesmo que vc ouviu !
Louis: Vc não pode fazer isso comigo ! 
(seu nome): E vc não pode fazer isso com eles ! 
Louis: Simplesmente vai acabar com o nosso noivado para defende-los ?

Não dei atenção, virei as costas e sai andando. Senti a mão de Louis agarrar fortemente meu braço e me jogar contra a parede, senti o corpo de Louis pressionar o meu contra mesma. 

Eu o olhei assustada e o mesmo encostou a testa na minha, a respiração pesada de Louis batia em meu rosto e seu rosto estava completamente suado.

Louis: Por favor não faz isso ! - sua voz estava embargada 

Naquele momento eu percebi que o rosto de Louis não estava suado e sim molhado por lágrimas.

Coloquei minha mão em um lado de seu rosto e acariciei o mesmo.

(seu nome): Não chora ! - eu o abracei 
Louis: Não me deixa ! 

Seu choro alto e abafado foi como uma facada em mim, odeio ver Louis chorar ainda mais sabendo que a causadora sou eu.

(seu nome): Não amor, não chora ! 
Louis: Então diz que não vai me deixar ! - ele me apertou entre seus braços 
(seu nome): Não vou te deixar ! 

Levei Louis ate o sofá que tinha la e o coloquei deitado com a cabeça apoiada em meu colo. Fiquei acariciando seus cabelos enquanto ele chorava.

(seu nome): Calma amor ! 
Louis: Me desculpa eu não queria fazer aquilo tudo mais é que ...
(seu nome): Vc perdeu a cabeça - eu o interrompi e ele se sentou 
Louis: Desculpa ! 
(seu nome): Não é pra mim que vc tem que pedir desculpas ! 
Louis: Não me obrigue ! 
(seu nome): Mas Louis ! 
Louis: E se eles não aceitarem ! 
(seu nome):  Vão aceitar ! 

Ele olhou pra baixo pensou um pouco e depois voltou a me olhar.

Louis: Eu faço pro vc meu anjo ! - eu sorri 

Dei um selinho nele que sorriu e fomos pra sala. Quando chegamos lá, todos ainda estavam com caras de assustados. Louis foi direto falar com Lottie e Niall em um um canto enquanto eu o esperava.

Uns minutos depois vi Lottie abraçando Louis e o mesmo sussurrava algo a Niall, eles voltaram até nós e Louis deu um grande sorriso que me fez sorri também.

Louis: Agora que está todo mundo feliz, vamos ao mais importante ! 

Ele veio até mim e se ajoelhou tirou uma caixinha de veludo azul e abril, havia um lindo anel dentro dela. Algumas lágrimas desceram pelo meu rosto enquanto ele me encarava.

Louis: (seu nome) quer casar comigo ! 





Fim ...


Hey, desculpe pelo atraso .. tava meio doente :s 

2ª temporada vem aiii :) 

Muito obrigado pelos comentários, suas lindas :))

 




















sábado, 18 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 34

É mais fácil odiá-lo. 





Entrei no escritório e fechei a porta atrás de mim. Senti minhas pernas amolecerem, olhei para Louis e vi o mesmo com o rosto vermelho de raiva e os olhos marejados.

Ele me olhava com frieza, desprezo e raiva. Aquilo me deu vontade de chorar não nego, mais ele não poderia me tratar assim porque eu escondi um segredo. 

(seu nome): Não me olha assim ! 
Louis: Vc mentiu pra mim ?
(seu nome): Oque quer dizer com isso ?
Louis: Vc sabia desde o início sobre eles ? 

Não posso mais esconder, sei que vai ser difícil mas, ele terá que entender.

(seu nome): Sim, eu sabia ! 

Eu vi seu olhar mudar da raiva para o desapontamento, da frieza para a tristeza. Ele olhou para baixo e pude ver uma lágrima escorrer pelo seu rosto. 

Aquilo me partiu o coração, eu nunca imaginaria que um pequeno segredo poderia deixar Louis tão ... triste?

(seu nome): Não faz isso ! - disse chegando pra perto dele
Louis: Oque quer que eu faça ?
(seu nome): Aceite Louis ! - ele voltou a me olhar com raiva.
Louis: Aceitar ? Aceitar ? Vc acha que eu sou capaz de aceitar ou até mesmo suportar minha irmã mais nova com um dos meus amigos ?
(seu nome): Terá que fazer o possível ! 
Louis: Não, não terei. Vcs três merecem que eu nunca olhe para a cara de vcs ! 

Aquilo com certeza foi um golpe, uma dor imensa cresceu em meu peito. '' Como pode ser tão repugnante Louis ? "

(seu nome): Oque nós fizemos a vc ? Lottie e Niall se apaixonaram ! 
Louis: E vc me traiu !

Eu o olhei incrédulo, virei de costas para ele e olhei pro chão. Poderia me chamar de qualquer coisa menos traidora. Ele sabia disso, e eu também já sabia onde isso iria acabar .... brigas.

Suspirei voltei a olha-lo , mas dessa vez certa de que Louis teria uma escolha a fazer .

(seu nome): Oque vc quer ?
Louis: Como assim ? Oque eu quero ?
(seu nome): Quer dizer que eu te traí ? A maior traição que eu poderia ter feito era ter te contado de tudo sobre Niall e Lottie.
Louis: Mas seria o certo !
(seu nome): Não não seria Louis ! Será que não percebe que esta machucando ela, que esta me machucando !
Louis: Oque quer dizer com isso ?
(seu nome): Quero dizer que está botando a Lottie contra a parede, de um lado seu amado, Niall e de outro seu sangue, Louis. Isso está a deixando confusa, ela pode até ....
Louis: Pois é isso que eu quero !
(seu nome): Vc é um monstro ! - eu disse com o maior tom de desprezo possível
Louis: Eu sou realista !

Não, ele não faria isso, não com o relacionamento de Lottie e Niall, eu não iria deixar, nem que pra isso eu ponha a perder o meu relacionamento.

(seu nome): Se vc atrapalhar o relacionamento de Lottie - eu o olhei - Prepare-se pra pegar suas coisas, e nunca mais olhar na minha cara ! - ele me olhou incrédulo  
















[...]

Desculpem, fiquei de castigo e não pude postar ontem :s...






















quinta-feira, 16 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 33


A fera !





Louis continuou me olhando sem nenhuma reação, eu suspirei. Ele olhou para o chão, coçou a cabeça, tentou dar alguns passos até mim mas não conseguiu e voltou a me olhar incrédulo.

Louis: Como assim ? Não impedi este último mês, oque quer dizer com isso ?
(seu nome): Eu ... eu ... - não encontrava as palavras 
Louis: Vc sabia disso desde o início ?

Não consegui responder, fiquei pensando que se eu falasse não estaria apenas me prejudicando mais sim o namoro de Lottie e Niall  e se eu não contasse iria viver com a culpa pelo resto da vida. 

Lottie: Não, ela não sabia de nada ! - tentou me ajudar 
(seu nome): Não Lottie ! 

Eu a interrompi, estava na hora de todos saberem de Lottie e Niall, saberem que merecem ficar juntos e serem felizes e se dependesse de mim isso iria acontecer.

Louis: Oque tem a dizer (seu nome) ? - ele falou frio 
(seu nome): Escuta, eu sei que eu não deveria mais ... 

Fomos interrompidos por todos entrando na sala com olhares assustados.

Jay: Oque aconteceu ?
Louis: Nada, (seu nome) conversamos no escritório ! 

Ele não falou mas nada com ninguém, apenas saiu de lá sem ao menos olha-los. 

Harry:  (seu nome) vcs estão bem ?
(seu nome): Estamos, só não sei por quanto tempo ! - forcei um sorriso.
Liam: Oque aconteceu ?
(seu nome): Nada Liam, não se preocupe ! 
Morgana: Como assim não aconteceu nada, que gritaria foi aquela e porque Niall está com o rosto vermelho?

Eu não a respondi, apenas puxei Lottie que estava em prantos pra um canto da sala.

(seu nome): Calma Lottie ! 
Lottie: A culpa é minha ! - passei a mão sobre seu rosto 
(seu nome): Não é não ! 
Lottie: É sim, eu nunca deveria ter te pedido para guardar esse segredo ! 
(seu nome): Ai eu iria achar que vc não confia em mim ! 
Lottie: Mas e agora vc e Louis ? É tudo minha culpa ! - ela continuava a chorar 
(seu nome): Com ele eu me resolvo ! 
Lottie: Me desculpe ! 
(seu nome): Hey ! - eu coloquei seu rosto entre minhas mãos - Independente do que aconteça entre eu e Louis, não deixe que ninguém atrapalhe vc e Niall ! 
Lottie: Obrigado ! - ela me abraçou 
(seu nome): Eu sempre vou ser sua amiga e vc sempre pode contar comigo ok ! 
Louis: Eu digo o mesmo ! 

Nós soltamos o abraço e sorrimos, passei por todos com um frio enorme na barriga. Estava indo em direção ao escritório e o pânico aumentava cada vez mais, continuei andando até chegar a sua porta.

Eu parei em frente a porta e engoli seco, coloquei a mão na maçaneta e um arrepio correu por todo meu corpo. 

'' Coragem (seu nome), hora de encarar a fera ! " 


















[...]


















quarta-feira, 15 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 32



Falei de Mais ! 




Vi os pulsos de Louis se fecharem, seu rosto foi ficando avermelhado, pude perceber que Louis trincava os dentes de ódio.

Fui até ele e o dei um abraço, ele não retribuiu, senti o calor de sua respiração pesada em meu pescoço, não queria que ele saísse gritando ou até mesmo quebrando as coisas por aí. Eu o apertei ainda mais entre meus braços, lentamente senti o corpo de Louis relaxar e seu braços me envolverem fortemente. 

(seu nome): Por favor calma ! 
Louis: Me diga que isso que eu estou pensando não é verdade ! 
(seu nome): Mas não é ! - menti
Louis: Mas...
(seu nome):Não tem mais - eu o interrompi - acabou o assunto, vamos comer ! 

Me livrei do abraço e segurei sua mão, não havia mais ninguém na sala, foi quando aquelas duas criaturas resolveram aparecer, de mãos dadas e felizes da vida.

'' Obrigado por foderem com a minha vida ! " 

Louis o olhou com um certo ódio, voltou a fechar os pulsos e trincar os dentes. Quando eles nos viram imediatamente pararam, ficaram estáticos sem reação nenhuma. 

Cabelos bagunçados, bocas avermelhadas e roupas amaçadas, era assim que eles se encontravam. Engoli seco, '' Como iremos explicar agora ? '' 

Louis nunca iria entender, nuca iria aceitar nem mesmo perdoar Lottie por estar com Niall, ou vice-versa.

Louis: Oque está acontecendo entre vcs ?
 
Seu tom frio e rude chegou a me dar arrepios, seu olhar cheio de ódio estava começando a me dar medo. 

(seu nome): Louis calma ! 
Louis: Eu quero saber oque está acontecendo ?
Lottie: Louis na.. - ela desistiu de falar, olhou pro chão suspirou e voltou a nos olhar - Nós estamos juntos ! 

Ela segurou ainda mais a mão de Niall que sorriu, mande um breve sorriso a ela e ela retribuiu. 

" Eu a admiro, sua felicidade sempre em primeiro lugar ! " 

Do jeito que Louis estava era capaz de fazer uma loucura, e foi oque aconteceu. Louis saiu em disparada pra cima de Lottie e de Niall, empurrou Lottie que caiu no sofá, pegou Niall pela gola e o imprensou na parede. 

Louis: ENTÃO VC ESTÁ COM A MINHA IRMÃ ! 

Louis acertou um soco na parte direita do rosto de Niall e voltou a impressa-lo na parede. Fiquei desesperada, fui até ele e tentei puxa-lo, mas foi em vão. 

 (seu nome): Por favor Louis para ! - continuei tentando puxa-lo 
Louis: Saí (seu nome) isso não é assunto para vc ! 

Ele tirou Niall da parede e o jogou no chão perto de Lottie, e essa foi minha deixa, entrei na frente de Niall na tentativa de protege-lo de Louis. 

(seu nome): Calma Louis ! 
Louis: Sai da minha frente (seu nome) ! 
Lottie: Por favor Louis, para com isso ! 
Louis: CALA A BOCA LOTTIE, saí da frente (seu nome) 
(seu nome): Não ! - eu o desafiei 
Louis: SAÍ DA MINHA FRENTE AGORA GAROTA ! 
(seu nome): NÃO EU NÃO VOU SAIR, SE QUISER ... ME TIRE !  

Louis ficou me olhando incrédulo, com a boca entreaberta. Ele suspirou e me olhou friamente. 

Louis: Eu não quero perder a cabeça com vc ! 
(seu nome): Vc não vai bater nele ! 
Louis: Eu não vou bater nele, eu vou matar ele ! 
(seu nome): Vc não vai encostar um dedo nele, ele é seu amigo ! 
Louis: Não, não mais, ele está com a minha irmã ! 
(seu nome): Louis e qual é o problema ? Eles se amam ! 
Louis: Vc não vê ? Ele é velho demais, só quer sexo ! E quando ela ficar grávida, ele vai assumir ?
Niall: Assumo ! - '' Pelo amor de Deus Niall, fica quietinho ! "
(seu nome): Ele vai assumir ! 
Louis: Não vai, eu não quero eles juntos, ele é velho demais ponto final ! 
(seu nome): Vc é mais velho que eu, e qual é o problema ?
Louis: É diferente ! 
(seu nome): Não vejo a diferença !
Louis: NÃO (SEU NOME) EU NÃO QUERO ELES JUNTOS ! 
(seu nome): Vc não tem com impedir ! 
Louis: Tenho sim ! 
(seu nome):  Então como não impediu esse último mês ? 

'' Ops ! Falei de mais ! "

Louis me olhou estranho, parecia estar com raiva e ao mesmo tempo incrédulo , Lottie e Niall arregalaram os olhos. E eu é claro vou ter que dar satisfações. 

'' Bom, chegou a hora ... Chega de mais mentiras ! "
















[...]

HEY amores, 

Então vim me desculpar com vcs pelo atraso nos capítulos, é que nesses dois dias eu tive uns problemas sérios em casa e ficou impossível de postar. 

Mas tem uma novidade .. A primeira temporada da Fic já está acabando :)

Então é só isso, beijos ...
 










terça-feira, 14 de maio de 2013

Imagine com Louis Tomlinson.




Lá estava ela deitada na cama com fios por todo o corpo, a minha vontade sentia pra mim, mas eu não podia fazer nada, segundo os médicos.

Eu chorava muito sentado do lado de sua cama, só queria que nada disso tivesse acontecido.

Flash back On. 

 Vc: Vc é um idiota ! - ela dizia enquanto andava de um lado pro outro da sala, me encarando com lágrimas nos olhos.
Louis: Desculpa eu não devia ter feito isso, eu me deixei levar !
Vc: Pensa assim Louis, se eu me " deixasse levar " vc ia me perdoar ? - ela perguntou parando na minha frente.
Louis: Não sei !
Vc: Então como vc quer que eu te perdoe ?
Louis: Me desculpa, eu te amo, esqueci isso, por favor !
Vc: Vc esqueceria ?
Louis: Não !
Vc: Para com isso por favor ! - ela disse tirando minhas mãos que estavam em seu rosto - Me esqueci Louis ! - ela disse e saiu chorando.

Flash back Off. 

Como eu me arrependo disso, oque começou com um beijo em uma festa de escola, terminou com um beijo em uma boate cheia de adolescente. Queria que fosse eu ali, sentindo aquela dor que ela deve estar sentindo.

Segurei em sua mão e apertei um pouco na esperança de que ela apertasse de volta, fechei meus olhos e deixei minhas lágrimas escorrerem pelo meu rosto, logo um barulho alto e irritante invadiu a sala e várias enfermeiras entraram.

Enfermeira: O senhor vai ter que se retirar !
Louis: Oque aconteceu ?  - perguntei e ela me olhou aflita.

Olhei pro médico que tinha acabado de entrar na sala para tentar reanima-la, olhei pra cama onde ela estava inconsciente, o barulho era avisando que ela havia parado de respirar. Me desesperei e alguém me colocou para fora do quarto.

Meu choro me aumentou e minha mãe se sentou ao meu lado, ela me abraçou dizendo que ia ficar tudo bem, porque eu não acreditava nisso ?

Minutos depois todos saíram daquele quarto e eu me levantei indo até o médico.

Louis: Me diga que ela está bem ! - eu disse e ele abaixou a cabeça balançando em negatividade.

Olhei para minha mãe e simplesmente me joguei no chão, comecei a chorar como um bebê que estava sem sua mãe. Entrei no quarto e tranquei a porta, o médico e minha mãe me olhavam por uma janela que tinha na porta, peguei sua mão que estava gelada, porque ela não eu ?

Me inclinei um pouco e beijei seus lábios frios pela última vez, minhas lágrimas molharam seu rosto e eu logo as limpei, olhei para mesa que estava ao lado da cama onde tinha um frasco de remédio, eu o abri. o médico gritou do lado de fora e minha mãe chorava e gritava ao mesmo tempo para que eu largasse aquele frasco.

Peguei o frasco e tomei todos os remédios, eu olhei para minha mãe pela última vez e sussurrei o último: '' Eu te amo !" .  Tudo começou a embargar, olhei para ela e segurei sua mão, tudo ficou preto e a última coisa que pude ver foi ela sorrindo ao meu lado.





Triste né ?





 




HEEEY PEOPLES ! 

Saudades de vcs, gostaram do imagine ? Vi ele no twitter durante a aula de física e fiquei apaixonada ...
Vou começar a postar pequenos imagines aqui no blog, oque acham ?
Quando meu notebook voltar do conserto eu irei postar sempre ! 
Dou os créditos do imagine á @HarrySingLove .
Se quiser mandar com quem vcs querem o próximo ou como querem é só falar comigo lá no @horanstrippers ou aqui no blog mesmo. 
Beijinhos amo vcs ! 


Adrielle xoxo 











domingo, 12 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 31



O Noivado !


1 mês depois ..

Louis Off.

Acordei com Louis dando alguns beijos em meu pescoço, sorri com o gesto de carinho que ele me fez.

'' Tadinho, deve estar completamente louco, 1 mês sem sexo ! "

Me virei pra ele e o mesmo sorriu, retribui o sorriso e coloquei a mão em seu rosto, fiz um pequeno carinho e ele me deu o selinho.

Louis: Está pronta ? 
(seu nome): Sempre ! - eu sorri 
Louis: Espero que tudo corra bem hoje ! 
(seu nome): E vai correr, que horas era pra estar lá mesmo ? 
Louis: 10:00 por que ?
(seu nome):Que horas são ?

Louis se virou para o criado mudo e pegou seu celular, olhou no visor e depois se virou pra mim com um sorriso no rosto. 

Louis: Promete que vc não vai correr que nem uma histérica ?
(seu nome): Tomlinson que horas são ?
Louis: 12:00 
(seu nome): PORQUE NÃO ME ACORDOU ?
Louis: Vc estava dormindo que nem um bebê, e eu fiquei com pena ! 

Achei fofo oque ele disse e dei um selinho nele, obriguei-o  a ir tomar banho e fui fazer o mesmo.

Acabei o banho e Louis já estava pronto me esperando, ele estava lindo, calça jeans escura e uma blusa listrada, ele me viu e sorriu.

Louis: Vc está linda ! 

Fui até o espelho e dei uma olhada em mim.


(seu nome): Acha mesmo ? 
Louis: Vc está linda vamos ! 

Nós entrelaçamos as mãos e saímos.

...

Chegamos a casa da minha mãe onde ela disse que iria ser um almoço só pro mais íntimos. Entramos em casa e logo apertei a mão de Louis ele me olhou e falou:

Louis: Vai dar tudo certo ! - eu sorri 

Senti um conforto nas palavras de Louis e continuamos andando. Adentramos a sala e estavam todos lá, Liam e Danielle, Perrie e Zayn, Niall e Lottie e Harry consequentemente sozinho pelo fato de ser galinha. 

Sorri ao ver todos. As meninas vieram logo me cumprimentar e Louis foi pra perto dos meninos. Minha mãe e Jay vieram até mim.

(seu nome): Oi mãe ! 
Morgana: Por que está tão atrasada ?
(seu nome): Dormi de mais , oi Tia Jay !

Ela veio até mim e me deu um abraço. 

Jay: Parabéns meu amor, eu torci tanto pra que esse dia chegasse ! 
(seu nome): Obrigado ! 

Elas logo saíram, eu as meninas continuamos conversando sobre como tudo aconteceu e elas pareciam todas muito animadas.

Danielle: Por que não disseram pra nós de uma vez ?
(seu nome): Sei lá, namorar escondido é mais legal !
Perrie: Isso me lembra os tempos de escola quando meus pais não deixavam eu namorar ! 
(seu nome): Pois é ! - nós rimos. 

Percebi alguns olhares de Niall para Lottie e vice versa. Eu sabia o que eles queriam, então resolvi ajudar. Puxei Lottie pra longe das meninas.

(seu nome): Chama o Niall e vão se divertir ! 
Lottie: Mas o Louis tá ai ! 
(seu nome): Vai, que eu distraio ele por 10 minutos ! 
Lottie: Faria isso ?
(seu nome): Já foi ? - ela sorriu 

Ela passou por Niall que logo entendeu o recado. Niall antes de sair sussurrou um: - Obrigado ! .

'' Hora de distrair Louis ! "

(seu nome): Louis amor , vem aqui ! - ele e os meninos se juntaram a nós 
Louis: Que foi amor ?
(seu nome): Nada, só fiquei com saudades ! - ele me deu um selinho 
Harry: (seu nome) não precisa ter ciumes de mim não, eu nunca furaria seu olho ! 
(seu nome): Com vc eu tenho que ficar de olho bem aberto ! 
Harry: Eu sei, ninguém resistes aos meus cachos .

Nós rimos e continuamos conversando, Harry ficava falando que nenhuma loira gostosa chega aos pés dele e Zayn por sua vez disse que seu topete esculachava os cachos de Harry, e Harry não conformado com a resposta bagunçou o cabelo de Zayn que mandou dedo. 

O almoço saiu e pra minha sorte Lottie e Niall ainda não tinham voltado. Mandei sms, liguei e nada. Não respondiam, nem retornavam. 

Jay: Onde será que a Lottie está ? 
Zayn: O Niall também sumiu ! 

Ninguém ligou nada com nada, menos Louis que logo percebeu e fez a maior cara de ódio possível. 

'' E seja oque Deus quiser ! " 
















[...]
































sábado, 11 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 30


Constrangedor ?




Louis On. 

Eu engoli a seco, (seu nome) continuava a me olhar com os olhos arregalados. Ela estava imóvel e eu com certeza estava completamente vermelho. 

Ela não falava nadam, não fazia nada apenas ficava me olhando, então eu decidi falar alguma coisa, ou seja, passar mais vergonha. 

Louis:  (seu nome) eu posso explicar ! 

Ela abriu a boca para dizer algo mais tudo que saiu foi uma doce e alta gargalhada, eu me encolhi entre os ombros, senti meu rosto arder e olhei para baixo. 

'' É claro que depois do que eu fiz com ela, ela com certeza não vai deixai isso barato ! "

Ela saiu, eu fechei a porta e levantei as calças. Fui até a pia joguei água no rosto e pude ouvir (seu nome) ainda gargalhando. Suspirei levantei a cabeça e me olhei no espelho, deu um sorriso pra mim mesmo e disse:

Louis: Pior que isso, só se ela te pegasse com filme pornô !

Sorri novamente, tomei coragem e sai porta a fora. Cheguei a sala e (seu nome) estava sentada no sofá ainda rindo, ela me viu e tentou prender o riso, mas foi em vão.

Louis: Amor, para de rir !
(seu nome): Desculpa bebê, é impossível ! - ela continuava rindo
Louis: Isso é meio constrangedor ! - eu cocei a nuca

Ela parou de rir e deu um lindo sorriso, levantou do sofá e veio até mim, me deu um selinho e passou os braços em meu pescoço.

(seu nome): Desculpa amor, não queria te deixar constrangido !
Louis: Eu sei ! - eu coloquei meus braços em sua cintura
(seu nome): Me desculpa, eu não deveria ter feito isso ! - ela acariciou meu rosto
Louis: Vc se refere a greve ? - ela assentiu - Então ela acabou ?
(seu nome): Louis querido, eu disse que não deveria ter feito isso e não que ia acabar com ela !

Ela era orgulhosa, sempre foi assim, nunca dava seu braço a torcer, nunca voltava atrás, com ela não tinha meio certo, nem meio errado, ela seguia seus princípios e quem não gostasse deles ela sempre superava com um sorriso no rosto, era teimosa, cabeça dura e eu acho que foi por tudo isso que eu me apaixonei, eu a amava do jeitinho que ela era, não queria que ela mudasse, nem por mim, nem por ninguém.

E é assim que ela tem que ser, ela mesma, sorrindo, se divertindo, amando e até mesmo me xingando, mas fazer oque eu a amo.

E de repente depois desse pensamento que me fez sorrir aquela alegria que eu estava quando ela disse que não deveria ter feito aquilo foi se embora quando eu entendi por completo a lógica da frase e eu logo murchei.

Louis: Então acostume a me ouvir gemendo do banheiro ou até mesmo me pegar tocando punheta !

(seu nome) abriu a boca e eu sorri. Oque eu posso fazer ? Quem sabe ela não volta atrás, é melhor que me ver tocando punheta todo dia.

(seu nome): Vc é demais, mas eu prefiro correr o risco !
Louis: Eu te amo sabia ?
(seu nome): É o que todos dizem ! - ela jogou o cabelo pra trás com uma das mãos e logo a colocou de volta em meu pescoço.
Louis: Convencida !
(seu nome): Não, não amorzinho, apenas realista !
Louis: Tá começando de novo !
(seu nome): Com o que ?
Louis: Com as respostinhas na ponta da língua !
(seu nome): Fazer oque eu sou assim ! - nós rimos
Louis: Eu te amo !
(seu nome): Eu te amo mais !
Louis: Impossível, eu te amo igual ao infinito !

Nós paramos e ficamos nos olhando e depois começamos a rir .

(seu nome): Parecemos criança !
Louis: Realmente !
(seu nome): Agora podemos parar de brigar e ser feliz ?
Louis: Não agora, vamos parar de brigar e ser feliz, eu vc e nosso bebê !
(seu nome): Que bebê ?
Louis: Oque iremos ter !
(seu nome): Ok, mais só um !
Louis: Como quiser !

Nós nos beijamos e eu fui levando (seu nome) para o sofá, e deitei em cima dela.

Não vou dizer que não tentei nada, porque iria ser mentira, mais as tentativas foram em vão, eu disse (seu nome) segue seus princípios e cumpre sua palavra. Então ficou só no beijo mesmo, qual é ? É melhor que nada.


1 mês depois ...
















[...]


Hey meninas, 
A temporada está chegando ao fim :)

bjus 





















quinta-feira, 9 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 29



Flagra ! 



Louis arregalar os olhos e abriu a boca, dei um sorriso falso a Louis e sai do carro. Louis até tentou dizer alguma coisa antes que eu saísse, mas não dei essa chance a ele. 

Peguei o elevador e comecei a gargalhar sozinha, se alguém me visse com absoluta certeza iria me chamar de louca. Sai dele ainda gargalhando, entrei no apartamento, me taquei no sofá e coloquei a mão na barriga de tanto rir. 

Continuei rindo alguns minutos rindo sozinha até ouvir a porta sendo aberta e fechada brutalmente, segurei o riso pois já sabia quem era, me sentei no sofá para que pudesse ver Louis mais seriamente, mas estava completamente impossível.

O rosto dele estava completamente avermelhado de ódio, ele serrava os punhos estava a ponto de explodir, e aquilo estava me dando mais vontade de rir. 

Louis: (seu nome) retire oque disse ! 
(seu nome): Não Louis, eu não vou retirar ! 
Louis: Vc não pode fazer isso comigo ! 
(seu nome): E vc acha certo que vc fez comigo ? 
Louis: Oque foi que eu fiz ?
(seu nome): Não se faça de desentendido ! 
Louis: Mas eu não me lembro ! -" Mentiroso !" 
(seu nome): Então deixa eu refrescar sua memória, vc acelerou aquela PORRA daquele carro até não poder mais, eu quando eu pedi pra parar vc acelerava ainda mais feito um louco ! 

Louis fez cara de quem tinha lembrado, coçou a cabeça e começou a rir. 

'' Cretino ! " 

Louis: Amor foi só uma brincadeirinha inocente ! 
(seu nome): Então amor, por essa brincadeirinha inocente, vc irá ficar 1  mês sem sexo, pra aprender a não brincar desse jeito com ninguém ! 
Louis: Mas não é justo, 1 mês ? Porque não só uma hora ? 
(seu nome): Querido aprenda uma coisa, a vida não é justa ! 

Saí de lá com um grande sorriso no rosto, fui andando até o quarto, antes que eu entrasse pude ouvir Louis dizer mais algumas palavras.

Louis: (seu nome) vc não sabe no que eu me transformo quando estou carente, e tenho certeza que daqui um mês vc vai se arrepender muito dessa greve ! 

Nem liguei para o comentário de Louis, apenas entrei no quarto fui em direção ao armário peguei uma roupa e entrei no banheiro e fui tomar banho.

De repente meus pensamentos todos foram embora e o único que permaneceu foi o comentário ameaçador de Louis, que acabou me dando uma ótima ideia. 

Louis On. 

 "EU SIMPLESMENTE NÃO ACREDITO, não acredito no que ela tá fazendo greve de sexo ! "

Oque eu acho disso ? UMA PALHAÇADA . 

No carro enquanto Morgana estava falando sobre termos filhos, eu já estava até imaginando (seu nome) completamente nua, na cama, me esperando. 

E agora eu faço uma brincadeira com o carro, ela fica puta e corta o sexo ? Nananinanão, não aceito. Isso é uma puta sacanagem com o Louis-zito aqui !

Ela poderia ter feito greve de qualquer coisa, greve de fome, greve de falar ou até mesmo greve de tomar banho que eu iria apoia-la, mas greve sexo ?  Sexo cara, sexo é vida ! 

Os minutos se passaram e (seu nome) voltou do quarto apenas com uma camisola branca de um tipo de tecido frágil - " Bem fácil de ser rasgada ! '' - ela estava sem sutiã e duvido que estivesse com calcinha. 

Pra que tudo isso ? Não sei, talvez me provocar, me deixar louco e se esse fosse seu propósito ela estava conseguindo direitinho, eu já estava até duro ! 

(seu nome): Fecha boca, vai entrar mosca ! - '' Quando eu te pegar vc vai ver ! "
Louis: Vc é cruel ! - eu disse balançando a cabeça em negatividade
(seu nome): Que foi amor ? Ta exitado ?? 

Na certa ela viu o volume em minhas calças - '' Filha da puta ! Se fizer mais alguma coisa eu te estupro ! "- ela começou a passa a mão lentamente na própria perna e levantar a camisola, ela passou a mão vagarosamente por sua intimidade, ela estava sem calcinha e eu suando frio. 

Também posso dizer que meu membro quase rasgou minha calça.  

Louis: Continue eu não ligo ! 
(seu nome): Não é isso que sua calça diz - ela sorriu - Vc é péssimo em auto controle ! - ela abaixou a camisola 
Louis: Se me dá licença !
(seu nome): Toda ! 

Ela tinha razão tinha me deixado completamente louco, e é claro que eu iria me aliviar de algum jeito e eu já até sei qual. 

Corri pro banheiro, sentei no vaso e coloquei meu membro pra fora  e comecei a masturba-lo. Passei alguns minutos dando alguns gemidos baixos, estava quase em meu ápice. 

Joguei minha cabeça pra trás na mesma hora que a porta se abriu e eu gozei. 














[...]























quarta-feira, 8 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 28

Greve ! 


Eu a olhei incrédula, Louis imediatamente sorriu e minha mãe ainda esperava uma resposta.

Morgana: Então quantos netinhos eu vou paparicar ? - ela insistia na pergunta 
Louis: Que tal 5 ! - eles sorriram 
(seu nome): Que tal vcs calarem a boca ! - Louis começou a andar com o carro 
Morgana: Hey mocinha, mais respeito ! 
(seu nome):  Mas respeito a senhora com o meu corpo ! 
Louis: Não liga pra ela não Tia, vamos ter bastantes filhinhos e eu vou começar a fabrica-los desde já ! 
(seu nome): Escuta aqui, se vcs acham que eu vou ter filhos, podem tirando o cavalinho de vcs da chuva ! 

Cruzei os braços e encostei a cabeça na janela, não que eu não queira ter filhos mas, eu acho que está muito cedo, nem casamos ainda. 

Louis me olhou pelo retrovisor com um olhar um tanto quanto raivoso, outro tópico de Louis, ele odeia ser contrariado. 

O silêncio reinava no carro, minha mãe não falou mais nada depois que eu disse que não íamos ter filhos, Louis me mandava olhares fuzilantes e eu apenas empinava o nariz e virava o rosto pro lado. 

'' Superioridade querido, uma coisa que vc não suporta em mim ! " 

Essa com certeza é uma das coisas que Louis mais odeia em mim. Louis parou o carro na porta da casa da minha mãe e a mesma não desceu, se virou pra nós e disse:

Morgana: Escuta, o noivado de vcs pode ser daqui a 1 mês ? 
Louis: Com certeza, daqui a 1 mês está ótimo ! 
Morgana: E vc (seu nome) ? 
(seu nome): Com tanto que eu não tenha que ter filhos, por mim esta perfeito ! - cutuquei mais uma vez a onça com vara curta.
Morgana: Para de provocar (seu nome) ! 
(seu nome): Não estou provocando, estou apenas relatando que eu não quero filhos ! 
Louis: Ok (seu nome), se vc não quer quem sou eu para discutir isso com vc ! 

Louis deu o sorriso mais falso que ele conseguia e com certeza aquilo me irritou. 

'' Odeio falsidade ! " 

Minha mãe logo entrou em casa e ficamos só eu e Louis no carro. Admito que eu não queria mas, fazer oque, a briga faz parte de nós. Meus pensamentos foram interrompidos por Louis falando comigo.

Louis: Vem pra frente ! - disse autoritário 
(seu nome): Fala direito ! 

Desci do carro e fui para o banco da frente, me sentei e Louis logo deu partida no carro. 

'' Preparem as armas, a guerra vai começar ! "

Louis: Oque foi aquilo ? 
(seu nome): Aquilo oque ? 
Louis: Vc dizendo que não quer ter filhos ! 
(seu nome): Aquilo meu querido foi a verdade ! 
Louis: VERDADE? Eu vou te mostrar a verdade, quando nós chegarmos em casa vamos direto para a cama ! 
(seu nome):  Eu não vou transar com vc ! 
Louis: Fofinha, então se prepare para ser estuprada ! 

Meu queixo caiu, como Louis podia ser tão vulgar .... Ok (seu nome) ele é homem, mais e daí. Se ele está pensando que vai ser do jeito dele, ele está muito enganado . 

Me recompus e fiz com que ele acreditasse que seu comentário não tivesse me abalado. 

(seu nome): Já ouviu o ditado, "quando um, não quer dois não brigam !"
Louis: Queridinha é claro que já ouvi, mas acontece que EU QUERO UM FILHO ! 
(seu nome): ENTÃO ADOTE UM ! 

A essa altura Louis já tinha acelerado demais, tinha passado uns 10 sinais vermelhos e não feriava por nada. Eu já estava ficando com medo desse louco bater com esse carro. 

(seu nome): LOUIS PARA ESSE CARRO, VC ESTÁ INDO RÁPIDO DEMAIS ! 
Louis: Tá com medinho tá queridinha ! 
(seu nome):  Louis seu doente, para esse carro que eu vou descer ! 
Louis: Não até vc me der um filho ! 

'' Ok, agora sim Louis despertou seu lado psicopata de matar namoradas e acabar com a própria vida de agir ! "

Ele acelerou mais ainda e meu coração acelerou, as curvas que ele fazia, as freadas repentinas que ele dava já estava me deixando enjoada, até que ele parou por completo o carro. 

Dei uma olhada em volta e já estávamos em frente meu prédio, meus olhos estavam arregalados e meus cabelos estavam provavelmente todo arrepiado, eu o olhei e ele começou a rir.
 
Louis: Vc deveria ver sua cara ! - continuou rindo 
(seu nome): Vc acha isso engraçado ? - mal falava ainda estava em choque 
Louis: Engraçado não, hilário ! 

Ele voltou a rir e eu já sabia muito bem oque fazer, passei as mão no cabelos me recompus e decidi que não iria bate-lo, iria fazer melhor. 

(seu nome): Quer ver uma coisa mais hilária que essa ?
Louis: Manda ai ! - continuou a rir 
(seu nome): A partir de hoje, pela sua brincadeirinha de mal gosto, eu estou em greve ! 
Louis: Greve de que ? - ele parou de rir 
(seu nome): Sexo ! Sem sexo até o dia do noivado ! - ele arregalou os olhos .










[...]

Hey, hoje eu vim aqui agradecer a um amor de pessoa que me deu a ideia desse capítulo. 

Gabrielle Prizzo muito obrigado mesmo pela ideia, um beijooooooo. 

E quanto as temporadas, com certeza terá a 2ª temporada, provavelmente a fic irá até a 3ª temporada. 

É só isso, e muito obrigado mesmo Gabrielle, bjus :) 
























terça-feira, 7 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 27


Alegrias.

'' Nunca deixe que as tristezas do passado e as incertezas do futuro estraguem as alegrias do presente.''



Minha mãe apenas parou, ficou nos olhando e de repente foi ao chão. Ela apenas fechou os olhos e caiu, eu sai correndo até ela e me ajoelhei, o médico logo tirou o pulso dela e me olhou.

Médico: Deve ser apenas uma queda de pressão !
(seu nome): Mas ela nunca teve isso antes ! 
Médico: Deve ter sido por conta da notícia, com certeza foi uma surpresa pra ela ! 

Olhei pra Louis e ele vinha andando calmamente, como se nada tivesse acontecido. Ele chegou perto de nós e se ajoelho na maior tranquilidade possível, tranquilidade essa que as vezes me irrita, como agora. 

(seu nome): Louis porque está tão calmo ?
Louis: (seu nome) acho melhor vc ficar de olho bem aberto com a sua mãe hein ! - " Que ? " 
(seu nome): Porque está dizendo isso ! 
(seu nome): Não está vendo, foi só ela ver meu membro por baixo da box que ela já desmaiou, imagina quando estivermos casados e ela me pegar de cueca, vai ter um infarto pobrezinha. - disse balançando a cabeça em negação. 

Eu o olhei incrédula e o médico riu, Louis olhava minha mãe com pena e acariciava seus cabelos.

'' Ele só pode estar drogado ! " 

Louis: Aceite Tia Morgana eu sou da (seu nome), é melhor assim ! 
(seu nome):  Louis pelo amor de Deus cala essa boca ! - ele me olhou 
Louis: Ta com ciumes é ? 
(seu nome): Eu vou te bater garoto ! 

E lá estávamos nós de novo começando uma discussão que já era quase rara, ou talvez não.

Louis: Garota, vc tá maluca ? Cuidado que eu não gosto de mulher ciumenta não hein ! 
(seu nome): Aproveita que ainda não casou e troca ! 

Ele me olhou com um pouco de raiva e se levantou, eu fiz a mesma coisa e fiquei o desafiando com o olhar. 

Louis: Vc quer terminar ? 
(seu nome): Tire suas próprias conclusões !
Louis: Essa sua mania de dar resposta na ponta da língua me irrita ! 
(seu nome): E essa sua mania de se achar o gostosão me da nojo ! 
Louis: Vc tem nojo de mim ? Na hora que eu estava te comendo vc não disse isso, pelo oque eu me lembro pediu até mais ! - '' Imbecil !" 
(seu nome): E pelo que eu me lembro, vc não consegui me dar tanto prazer ! - menti, não podia ficar calada depois do que Louis disse 
Louis: Ah não é, então vira de quatro, vira de quatro agora que eu vou te fazer gritar meu nome ! - ele disse meio irritado 
xxxx: CHEGA OS DOIS ! 

Olhamos assustados pro lado e lá estava minha mãe com a mão na cabeça e completamente furiosa pela briga. 

Morgana: Vcs não tem jeito mesmo, não respeitam nem o doutor ! 

Nós abaixamos a cabeça e dissemos : - Desculpa - juntos. 

Morgana: Louis eu não desmaiei por ver seu .... seu .... bem vc entendeu ! 

Louis abaixou a cabeça de vergonha e eu comecei a rir 

Morgana: E (seu nome), vc tem que parar de xingar o Louis, aliás, ele vai ser seu marido ! - ela sorriu
Louis: Isso mesmo Tia Morgana, mulher que xinga o marido é por falta de sexo e isso com certeza no nosso casamento não vai faltar ! 

'' Desnecessário, isso que eu penso do último comentário de Louis ! "


(seu nome): Sério vc poderia ter ficado de boca calada ! - ele jogou um beijo no ar pra mim 
Morgana: Por favor vamos tentar conversar sem falar de sexo ? 
Louis: Ok ! 
Morgana: EU NÃO ACREDITO QUE MINHA ÚNICA FILHA VAI CASAR ! AI MEU DEUS PARABÉNS ! 

Ela veio correndo até mim e me abraçou, falou muitas coisas pra mim e pra Louis de como era um casamento de verdade, disse pra nós maneirarmos nas brigas e nós começamos a rir e ela disse que um casamento não era só um papel mais sim uma das partes mais importantes da vida.

Depois do "sermão do casamento" ela deixou que o médico fizesse os último exames em mim e me deu alta.

Estávamos nós três felizes saindo do hospital, entramos no carro e eu perguntei se alguém tinha falado com os outros meninos e minha mãe disse que tinha avisado a eles que logo sairíamos do hospital, Louis deu a partida e minha mãe estava na frente ao seu lado virou pra nós e perguntou sorridente:

Morgana: Então quantos netos vc pensam em me dar ? 















[...]










segunda-feira, 6 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 26




Notícias. 


Meus olhos se arregalaram automaticamente, Louis tirou os dois dedos que tinha me penetrado e ficou me encarando, escondeu sua mão de baixo do meu corpo e engoliu seco. 

A porta foi fechada e a pessoa que entrou simplesmente não disse nada.

xxx: Oque é isso ?

Uma voz doce mais um pouco assustada, demos uma olhada para porta e lá estava minha mãe e o médico, engoli a seco e Louis continuou encarando minha mãe. 

Louis: Tia Morgana ?
Morgana: Sim Louis sou eu, e que poca vergonha é essa ?

Louis não respondeu apenas levantou e ficou os encarando, percebi que havia algo estranho quando minha mãe tapou os olhos e o médico colocou a prancheta que tinha em sua mão em seu próprio rosto. 

Olhei para Louis e lá estava o problema, o membro dele continuava ereto e bem aparente. Coloquei minha camisola e fiquei em pé ao seu lado para tentar alerta-lo sobre seu pequeno probleminha. 

Louis: Tia Morgana isso não é pouca vergonha, é amor ! 
(seu nome): Louis .... - sussurrei baixo o suficiente pra que só ele ouvisse. 
Louis: Fica quieta (seu nome) ! 0 falou meio bravo e voltou a encarar minha mãe - Tia Morgana, precisamos falar sobre um assunto muito importante ! 
Morgana: Ok Louis vc podem falar, mas pelo amor de Deus vai coloca uma roupa ! 
Louis: Não Tia Morgana, uma roupa não é mais importante que esse assunto ! 
Morgana: Mas uma roupa é muito menos constrangedor que seu assunto ! 

Louis era teimoso, cabeça dura demais quero ver quando ele descobrir sobre Lottie e Niall. 

'' Nem pense nisso (seu nome), nem pense nisso ! " 

'' Vem cá, será que ele não sente que ainda está duro não ? '' 

(seu nome): Louis ... - comecei a altera o tom de voz com ele 
Louis: Calma (seu nome) já falo com vc, então Tia Morgana ...
(seu nome): Louis ... - eu o interrompi 
Louis: Já disse pra esperar ! 
(seu nome): Mas Louis é importante ! 
Louis: (seu nome) nada é mas importante que essa notícia, então pro favor NÃO ME ATRAPALHE ! 
(seu nome): MAS LOUIS SE VC NÃO PERCEBEU VC AINDA ESTÁ ERETO ! - minha mãe e o médico começaram a rir e Louis corou. 

Louis tampou seu membro rapidamente e virou de costa, eu gargalhei e ele me olhou com desprezo. 

Louis: Porque não me avisou garota ? 
(seu nome): Eu ... ten ... tentei ! 

Eu não consegui me conter e me taquei na cama para rir, Louis ainda me olhava com raiva enquanto se vestia. Ele terminou de se vestir e eu ainda estava rindo, ele se tacou em cima de mim, pousou uma de suas mãos em uma de minhas coxas e apertou-a, eu entrelacei meus dedos em seus cabelos e o trouce pra mais perto. 

'' Vergonha pra que se eu tenho o Louis ! " 

Quando íamos nos beijar minha mãe protestou. 

Morgana: Hey mais respeito ! - nós nos ajeitamos e pedimos desculpas - O médico veio fazer alguns exames na (seu nome) pra ela receber alta !
(seu nome): Sério ?
Médico: Sério ! - disse sorridente 
Louis: Tudo bem mais antes eu vou dar a notícia ! 
(seu nome): Amor deixa pra depois ! 
Louis: Não tem que ser agora ! 
Morgana: Tudo bem meu filho, pode falar ! 
Louis: Então Tia Morgana, ou sogra, eu e (seu nome) vamos casar ! 

Na mesma hora ela paralisou. 










[...]























sábado, 4 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 25


Inesperado.



Louis On. 

(seu nome) paralisou, ficou me encarando completamente imóvel com os olhos meio arregalados e a boca entre aberta.

Continuei a olhando enquanto esperava uma resposta, (seu nome) nem piscava, eu já estava ficando preocupado, fazia uns dois minutos que eu já tinha feito a pergunta e ela não respondia, nem mesmo reagia, acho até que ela parou de respirar.

Meu sorriso logo se desfez, eu ja estava estava completamente assustado pelo estado de (seu nome).

Louis: Amor diz alguma coisa ! - ela continuou parada me olhando - Eu já estou preocupado !

Coloquei a mão em um dos lados de seu rosto e acariciei, cheguei mais perto dela e dei um selinho.

(seu nome): L-L-L-Louis e-e-e-eu ... - ela mal conseguia falar
Louis: Tudo bem, eu pergunto de novo - suspirei e a olhei com um grande sorriso - (seu nome) vc quer casar comigo ?
 (seu nome): Sim Louis, eu quero me casar com vc !

A alegria de ouvir essas foi tão grande tão grande que até esqueci o recente acidente que (seu nome) tinha sofrido e me joguei em cima dela novamente começando uma série de beijos em seu rosto.

(seu nome) tentava sair de baixo de mim e fugir dos vários beijos que eu a estava dando enquanto a mesma gargalhava.

Louis Off. 

Eu estava tentando tirar Louis de cima de mim e parar com a sequência de beijos que o mesmo estava me dando enquanto eu gargalhava, e estava meio que impossível.

Louis continuava com seu ataque quando eu finalmente consegui o empurra-lo.

Louis: Caraca, isso já é sacanagem sua, só porque eu já estava começando a ficar animadinho !
(seu nome): Como assim ?
Louis: É por que quando eu fui pra cima de vc eu me encaixei entre suas pernas e acabei roçando na sua intimidade, e vc não tem noção do quanto isso me exitou !

Parei o olhando incrédula enquanto ele mantia o sorriso no rosto.

'' Quem diria que atrás desse rostinho bonito se esconde um grande pervertido ! " 

(seu nome): Vc é podre Tomlinson !

Ele gargalhou e me puxou para mais perto dele, Louis fez com que eu deitasse em seu peito e ficou acariciando meus cabelos enquanto eu pensava.

'' Por que Louis antigamente me odiava ?''

(seu nome): Louis posso te fazer uma pergunta ?
Louis: Claro anjo !
(seu nome): Porque vc parou de falar comigo e começou a me odiar quando éramos mais novos ?

Louis de repente parou ficou me encarando e do nada começou a gargalhar sozinho.

(seu nome): Ta rindo de que retardado ? - ele se recompôs
Louis: Eu fiquei com ciúmes do seu primeiro namorado ! - ele corou
(seu nome): Quem o Kendall ?
Louis: Ele foi seu primeiro namorado ? - eu assenti - Então foi ele mesmo, eu fiquei com ciúmes dele e com raiva de vc, por que vc sempre pertenceu a mim e quando eu te vi com ele eu perdi a cabeça !
(seu nome): Ai meu Deus, vc era tão fofo, eu te amo ! - ele corou novamente - e tá todo vermelhinho de vergonha , que fofo ! - apertei suas bochechas
Louis: Vou te mostrar alguma coisa vermelha !

Louis subiu em cima de mim e me beijou, passou a mão pela lateral do meu corpo e apertou minha cintura, eu sabia oque ele queria e eu não vou exitar em dar.

Tirei a blusa de Louis e a joguei longe, Louis fez a mesma coisa com a camisola do hospital que eu estava usando, sorte que eu estava de calcinha e sutiã.

Louis me ajudou a tirar a calça dele e nós a jogamos longe, senti o membro de Louis cada vez mais ereto.

Ele passou seus beijos para emu pescoço enquanto eu mordia o nódulo da sua orelha, ele arfou.

Adentrei a cueca de Louis com a mão e fiquei acariciando seu membro enquanto ele gemia, Louis fez a mesma coisa comigo e penetrou dois dedos em minha intimidade e eu gemi.

Na mesma hora ouvimos a porta sendo aberta.











[...] 

Oiee amores, 
Então, ontem eu não postei porque ? adivinhem .... queimei o dedo com leite novamente :) 
Ta eu sei que eu sou meio burra por queimar o dedo com leite mais vejam pelo lado bom, pelo menos não foi a mão toda que nem a outra vez :) 
E qual a lição que eu tirei disso ?
Daqui pra frente só tomar leite gelado ! 

Mas enfim, deixando minhas burrices de lado, eu vim aqui agradecer pelos comentários, por vcs estarem lendo a fic :) e dizer que eu sou muito grata mesmo, e vim divulgar um blog :) 

"http://imaginecom1-direction.blogspot.com.br " , tá ai o link pra vcs acessarem.

É só isso bjuu ! 




















quinta-feira, 2 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 24


Alívio ! 



Louis On. 

Ouvi aquilo e tomei um susto, olhei para a cama da (seu nome) e ela continuava imóvel, olhei para Morgana e ela estava do mesmo jeito que eu, confusa. 

Louis: Vc ouviu oque eu ouvi ? 
Morgana: Será que ... 

Me levantei e fui até ao lado da cama de (seu nome), ela estava de olhos fechados, aparentemente estava dormindo, toquei em seu braço e a sacudi de leve, nada aconteceu. 

Toquei novamente e a balancei com um pouco mais de brutalidade.

Louis: (seu nome) vc está acordada ? - ela abriu os olhos 
(seu nome): Eu só queria mais 5 minutos, é pedir muito ? 

A felicidade de ve-la de olhos abertos foi tão grande que a única coisa que eu fiz foi me tacar em cima dela e a abraçar, de um jeito meio estranho mais eu consegui abraça-la. 

(seu nome): AI ta maluco ? Eu to toda doida ! 
Louis: Eu não me importo, só quero ficar aqui com vc pra sempre ! 

Ouvi as risadas de Morgana e olhei de canto de olho e ela já estava na beira da cama. 

(seu nome): Sai Louis, sai vc é gordo ! - ela disse e me tacou para seu lado na cama 
Louis: Vc não disse isso quando agente estava transando ! 

(seu nome) arregalou o olho e ficou completamente vermelha, Morgana gargalhou.

Morgana: Bom, eu vou chamar o médico ! 

Nós ficamos olhando ela sair e assim que ela fechou a porta (seu nome) me deu um tapa estalado no peito, admito que doeu mas comecei a rir lembrando da cara que ela fez sobre oque eu disse. 

(seu nome): Vc fumou oque ? 
Louis: Sua ... cara ... foi ... a melhor ! - mal conseguia falar 
(seu nome): Louis para de rir, não foi engraçado ! 
Louis: Foi sim ! 
(seu nome): Para com isso ! - ela disse tampando a cara com a mão 
Louis: Eu já disse o quanto vc fica perfeita com vergonha ?

Tirei as mãos dela do rosto e dei um leve selinho, ela sorriu.

(seu nome): Por que seus olhos estão inchados ?
Louis: Porque eu estava chorando !
(seu nome): Porque ?
Louis: Por que eu achei que ia te perder ! - ela sorriu
(seu nome): Vc nunca vai me perder ! 
Louis: Promete ?
(seu nome): Prometo, eu te amo !
Louis: Eu te amo mais. 

Fui pra cima dela e a beijei, as mãos dela foram pra minhas costas enquanto a minha acariciava seu rosto, o beijo começou calmo, suave e de repente ficou feroz, urgente e muito desejoso. 

As mãos de (seu nome) já puxavam minha blusa pra cima enquanto a minha adentrava a camisola do hospital. 

Passei os beijos para o pescoço e dei pequenos cupões, a mão de (seu nome) foi direto para meu membro e ficou acariciando-o, suspirei.

Louis: Vc me deixa louco ! 
(seu nome): Vc me deixa exitada, mas não podemos continuar com isso ! 
Louis: Porque ? 
(seu nome): Por que minha mãe pode entrar com o médico a qualquer momento !
Louis: Tudo bem ! 

Voltei para seu lado na cama, ela se virou fazendo com que ficássemos frente a frente.

Eu sabia que talvez esteja indo rápido demais, que talvez eu esteja sendo precipitado mas, eu não poderia correr o risco de perde-la novamente, nem pra um acidente, muito menos pra outro cara.

Eu encarei e sorri.

Louis: Meu anjo, posso fazer uma pergunta ?
(seu nome): Claro Louis ! 
Louis: Quer casar comigo ? 


















[...]

quarta-feira, 1 de maio de 2013

Between Love and Hate - Capítulo 23




Resultados. 



Louis On. 

Um calafrio percorreu por todo meu corpo, me virei e vi o médico com uma prancheta de papel na mão.

Médico: Parentes e amigos da (seu nome) ! 
Louis: Nós ! 

Foi tudo oque consegui falar, ele nos olhou e veio até nós. 

Médico: Bom quem é vc ? - se direcionou a Morgana 
Morgana: Eu sou a Mãe dela ! 
Médico: Ok , e vc ? - dessa vez foi pra mim 
Louis: Marido, eu sou o marido ! 

Ok, eu sei que não se deve mentir, nem mesmo nas piores horas, mas vai que eu digo que sou o namorado e ele diz que isso é só pra familiares. 

Médico: Bom eu quero que vcs me acompanhem ! 

Ele disse e nós fomos, passamos por diversos corredores, diversas salas, subimos algumas escadas, até que chegamos a um quarto. 

Ele abriu a porta e eu pude ver (seu nome) deitada, de olhos fechados, alguns cortes em seu lindo rosto e um dos braços engessados 

Oque mais me incomodou foi o fato de não ter nenhum aparelho preso ao seu corpo, geralmente, quando uma pessoa sofre um acidente desses ela tem pelo menos um para medir as batidas do coração.

Louis: Doutor, posso fazer uma pergunta ?
Médico: Sim !
Louis: Por que ela não tem nenhum aparelho ligado a ela ? Por acaso ela ....
Médico: Não pense isso, se ela tivesse morta, eu nunca teria trago vcs aqui ! - ele sorriu 

Foi como se um peso tivesse saído de mim, meu coração bateu bem mas rápido depois disso.

Louis: Então porque ela está aqui ?
Médico: Vou explicar, quando ela caiu provavelmente bateu apenas uma parte do corpo, a direita, e o impacto da queda foi todo para seu braço e acabou o quebrando e vários lugares ! 
Louis: Então ela não bateu a cabeça ? 
Médico: Não !
Louis: Me explica os cortes e arranhões então ? 
Médico: Logo após a queda, ela deve ter rolado alguns metros e se arranhado ! 
Louis: Ata muito obrigado, mas porque eu a encontrei desacordada ? 
Médico: Bom , quando uma pessoa sofre um impacto como esses e a dor é praticamente insuportável, o cérebro desliga e fica em repouso, por isso ela desmaiou ! 
Louis: Ela ainda está desmaiada ? 
Médico: Não, está dormindo - ele olhou a prancheta mais uma vez - Bom essa mocinha teve muita sorte dessa vez, mas tomem cuidado com ela, assim que ela acordar vcs mandem me chamar !
Morgana: Pode deixar !
Ele saiu e eu encarei Morgana sorrindo do mesmo jeito que ela estava, ela veio até mim e me abraçou. 

Morgana: Eu disse que ela iria voltar ! 
Louis: Eu sei ! 

Nós saímos do abraço e ela me olhou animadamente, mas de um jeito diferente. 

Morgana: Então conta ! 
Louis: Contar oque ?
Morgana: Oque está havendo entre vc e (seu nome) ? 
Louis: Ah isso ! - cocei a cabeça - É bem , nós estamos namorando ! - ela deu um grito 
Morgana: Como isso aconteceu ? 

Comecei a contar tudo pra ela, enquanto estávamos indo sentar no sofá, ela estava muito empolgada, sorria e batia palminhas em algumas parte e isso era muito estranho pra uma pessoa adulta. 

Terminei de contar tudo a ela e ela até deixou escorrer uma lágrima, ela disse que sempre torceu por nós desde o dia que (seu nome) chegou em casa dizendo que me amava, eu sorri com isso porque eu fiz a mesma coisa. 

Ela me lembrou do dia em que eu e (seu nome) quebramos o espelho do quarto dela e colocamos a culpa no cachorro.

Nós estávamos rindo com as lembranças, e eu posso admitir que ao lado da (seu nome) eu sempre fui feliz e nunca tive o que reclamar. 

Morgana: Vcs eram demais, não podiam ficar sozinhos nem um minuto ! 
Louis: Ela sempre me fez feliz - eu suspirei e as lágrimas escorreram pelo meu rosto - e agora nem ajuda-la eu consegui ! - ela me abraçou 
Morgana: Não dava pra prever que isso ia acontecer - ela separou o abraço e limpou minhas lágrimas - Ela está bem e isso que importa , e além do mais, vcs ainda vão ser muito felizes ! - nós sorrimos 
- Calem a boca eu quero dormir ! 












[...]